Teste

Conheçam Brotinho Lanches Saudáveis

Oi gente! Tudo bem com vocês?

Sabemos que a maternidade muda as mulheres. Que muitas mães não conseguem voltar ao seu trabalho por causa dos filhos é esperado. E ainda tem aquelas que empreendem como forma de não delegar os cuidados dos filhos para ninguém.

Apresento hoje para vocês a Brotinho Lanches Saudáveis uma empresa criada por mães para nos ajudar nessa vida corrida a oferecer alimentos saudáveis para nossos filhos.

 

A Brotinho Lanches Saudáveis é uma empresa idealizada e feita por duas mães preocupadas com o futuro das crias e sociedade de uma forma em geral!

A preocupação com a saúde e alimentação saudável sempre esteve presente, e a partir do momento em que nos tornamos responsáveis por outras vidas, esta atenção se multiplicou.

Bia Mayerhofer é mãe, enfermeira apaixonada pela prevenção e promoção da saúde e cozinheira de mão cheia!

Jasminne Antunes é uma mãe curiosa com as combinações de sabores e texturas dos alimentos, e atenciosa com a saúde dos pequenos.

A partir deste nosso movimento de reeducação alimentar principalmente por nossas três crianças em idades de maior desenvolvimento físico e neurológico, decidimos unir nossas paixões por cozinhar e cuidar, idealizando, ,assim, a Brotinho LS!

Preparamos diariamente lanches compostos por uma porção de carboidrato, uma proteína, uma bebida (suco, chá, smoothie, etc) e uma sobremesa (bolo, salada de frutas, biscoitos, etc.)

Montamos o cardápio baseado na nutrição e sabor, o que inclui também um belo bolo de chocolate, por exemplo! Logo, alimentação saudável não significa privação das guloseimas, e sim uma adequação e adaptação das receitas, para ficarem mais ricas e nutritivas.

Acreditamos e levamos à mesa de nossos clientes o equilíbrio perfeito para o desenvolvimento pleno das crianças, e a manutenção da saúde dos adultos.

Bia e Jasmine no evento Como montar uma Lancheira Saudável


E como funciona?

Entregamos diariamente, direto na escola, universidade, curso, local de trabalho, etc.

Temos pacotes semanais, quinzenais e mensais, além dos lanches avulsos para crianças e adultos, afinal os grandes também têm direito de comer bem, de forma saborosa e nutritiva.

Todos os nossos produtos são produzidos com insumos frescos e sem nada de origem animal (ovos, mel, leite e derivados)

Para entrar em contato com elas podem entrar no instagram da Brontinho Lanches Saudáveis

Não deixem de conhecer essa empresa que pensa nos cuidados com nosso pequenos e mostram que ser saudável pode sim ser saboroso.

Visitem o perfil da Brotinho Lanches Saudáveis e me digam o que acharam

Espero que tenham gostado da dica e aguardo todos no próximo post!
Leia Mais ››

Rotina na vida dos Filhos


Oi gente! Tudo bem?

Mais uma vez a nossa colunista a psicóloga traz um texto para nos ajudar nessa árdua tarefa que é educar nossos filhos. Dessa vez ela irá falar da importância de estabelecer uma rotina na vida dos nosso filhos.


Hoje eu vim falar com você sobre a importância da rotina na vida dos pequenos. Sei que na prática estabelecer uma rotina na vida dos filhos pode ser um tanto complicado, afinal temos a correia do dia a dia e a falta de tempo.

O tempo para a criança é algo complexo e através de uma rotina a criança pode antecipar o que irá acontecer, se sentindo segura e se comportando de acordo com a tarefa seguinte, o que dá a ela uma certa liberdade, fazendo com que ela cresça confiante e independente.

Para os pais a rotina pode trazer alguns benefícios, pois com ela os pequenos podem aceitar melhor determinados momentos (Por exemplo, a hora de dormir). A rotina também pode colaborar para a vida dos pais, afinal ter horários pré-estabelecidos faz com que a família possa se organizar melhor.

Porém cuidado, como diria minha mãe "tudo de mais faz mal", não devemos funcionar em regime militar. A rotina não deve se tornar algo negativo e penoso na vida da família, para isso é importante ser flexível e saber que pode ser que o almoço saia um pouquinho mais tarde no final de semana. Devemos estar sempre priorizando os hábitos saudáveis e o ambiente organizado, mas sempre com um joguinho de cintura.

A seguir irei sugerir algumas coisas para incluir na rotina:


Hora de dormir

O horário para dormir é muito importante para criança, pois é no sono que ela ganha a energia para as atividades do dia, assim o sono influência diretamente no comportamento do dia a dia.

Para o sono da noite busque criar um ritual (ex.: banho, historinha e dormir) e um ambiente adequado (pouca luz e silencioso).


Hora da refeição

Busque sempre fazer as refeições em família e longe das tecnologias, esse pode ser um momento para solidificar os laços e criar um ambiente de diálogo.


Hora de brincar

Parece meio óbvio que as crianças devem ter um momento para brincadeira, mas com o mundo cada vez mais cheio de necessidades temos que ter cuidado para não sobrecarregar nossas crianças com as diferentes aulas extras disponíveis.

Também devemos cuidar para que a tecnologia não tome conta do dia das crianças, a brincadeira é de suma importância para o desenvolvimento da criatividade e noções de regras.


Psicóloga Ananda Gomes CRP 05/46618
Psicóloga Clínica, Orientadora de Pais e Palestrante
Contato: (22) 99896-4666
anandagomes.psico@gmail.com
Instagram: @psico.anandagomes
Espero que esse texto nos ajude a estabelecer de forma correta uma rotina para nossas crianças.

Aguardo todos no próximo post!





Nos siga nas redes sociais:
Facebook: Agora Somos Pais
Instagram: @agorasomospais
Leia Mais ››

Trauma na Dentição Decídua (Leite)


Olá gente! Tudo bem com vocês?

Hoje nossa colunista Dra. Thamires Xavier vai falar sobre trauma na dentição decídua (os dentes de leite). 




O Trauma na Dentição Decídua (Leite) merece considerações importantes, tendo em vista sua evolução e o prognóstico.

Uma das grandes dúvidas dos pais é acharem que a dentição de leite não possue raiz e por isto após o trauma é normal que o dente apresente (mobilidade) ou avulsão (que saia completamente da cavidade bucal). Sempre gosto de lembrar a dentição decídua, possue sim RAIZ.

A raiz do dente de decíduo (leite) possue canal por onde passam vasos e nervos (polpa).

Todo dente de leite que sofre trauma precisa ser acompanhado através de radiografias. Utilizamos um protocolo de radiográfias específico para os casos de traumatismo.

O dente decíduo pode apresentar ou não alteração de cor. Em casos ele apresenta de forma clara, com aspecto de normalidade. Em outros pode apresentar-se roxo. .

Em alguns traumas pode ocorrer morte pulpar (polpa do dente), havendo uma necrose. O que se faz necessário realizarmos um tratamento de canal. Lembrando que este elemento pode apresentar uma fístula (bolha de pus) em cima do dente. Neste caso, não podemo deixar a criança com esta infecção e é necessário levar a um Odontopediatra e tratá-la. .

Quando o tratamento de canal não é realizado, podemos ter injúrias no dente permanente.

Não deixe de realizar a higienização do seu filho, sabemos que o local fica mais sensível, mais a saúde bucal não deve ser negligenciada. Assim, conseguimos prevenir outras doenças como a gengivite. .

LEMBRANDO: Mesmo que a criança caia e seja uma queda inofensiva, os pais devem levar a criança ao Odontopediatra. .

NENHUM POST SUBSTITUI A UMA CONSULTA ODONTOPEDIÁTRICA. 

Dra. Thamires Xavier Gomes. Especialista em Odontopediatria. 
Endereço: Rua Alvarenga Filho, n°: 114, Edifício: CDT, 3°andar, sala 301. 
Telefone: (22) 997884873




Se ainda restou alguma dúvida podem entrar em contato por email que passaremos para Dra Thamires.

Aguardo todos vocês no próximo post!







Nos siga também pelas redes sociais:

Facebook: Agora Somos Pais
Instagram: @agorasomospais
Leia Mais ››

TOC e Mania: Entenda a diferença


Oi gente! Tudo bem com vocês? Espero que sim.

Faz alguns dias que fiz um post nas redes sociais do blog sobre como organizo a pia antes de lavar a louça. Na legenda da foto descrevi minha rotina com a pia como TOC (Transtorno Compulsivo Obsessivo).



Algumas pessoas se identificaram e até dividiram comigo as maneiras que organizam suas rotinas em casa. Outras disseram não se tratar de nenhum transtorno e sim de uma forma de deixar a organização mais fácil.

Fui pesquisar qual a diferença entre Mania e TOC primeiro para saber até onde é normal você dedicar tanto tempo em atividades que poderiam ou deveriam ser realizadas na metade do tempo caso você não organizasse tanto. Até onde essa organização toda ajuda ou atrapalha você.

Primeiro vamos entender o que é mania.

Segundo o Dicionário Aurélio mania significa: Exprime a noção de loucura ou desejo imoderado.

Todo mundo tem uma mania. Seja pisar com pé direito quando entra num ambiente novo, verificar várias vezes se a porta está fechada antes de sair ou até mesmo não gostar de tocar em objetos que outras pessoas tocaram. O que diferencia isso tudo do TOC é o quanto isso atrapalha seu dia.



Se essas manias estão tomando conta de uma grande parte do seu dia. Atrapalhando de alguma forma a sua vida talvez seja aconselhável procurar uma ajuda profissional.

O Transtorno Compulsivo Obssessivo (TOC) é caracterizado por ações repetitivas e pensamentos negativos caso não consiga realizar tal ação.



Como exemplos de TOC temos:

- Lavar as mãos várias vezes ao dia;
- Tomar banhos demorados, porque precisa lavar cada parte do corpo várias vezes ou em uma sequência específica;
- Evitar encostar em pessoas ou objetos por medo de se contaminar;
- Organizar objetos em uma determinada ordem, gastando muito tempo;
- Precisar de simetria. Por exemplo, se a pessoa esbarra com o ombro esquerdo na parede ou em uma outra pessoa, ela tem que fazer a mesma coisa com o ombro direito;
- Verificar se a porta está trancada; gás, ferro, fogão desligados várias vezes seguidas;
- Rezar várias vezes, na sequência, para evitar que algo ruim aconteça (ex: 100 vezes o "Pai Nosso");
- Medos supersticiosos: não usar determinadas cores com medo de acontecer algo ruim. Ou evitar números que lembram azar (ex: número 13);
- Pensamento de achar que está com doença grave, mesmo que os médicos e exames digam o contrário;
- Necessidade de guardar objetos inúteis, quebrados ou sem valor por achar que será útil no futuro;
- Conferir várias vezes o que leu ou escreveu para ter certeza que leu ou escreveu corretamente.

Lembrando: Mania são hábitos exagerados com determinadas ações repetitivas e TOC é quando esses hábitos começam a atrapalhar sua vida de modo que nada anda.

Espero que esse texto sirva para sabermos diferenciar se nossos hábitos esquisitos são apenas manias ou estamos com algum transtorno que precisa de cuidados especiais.

Me conte: Você tem alguma mania?

Aguardo todos no próximo post!

Nos acompanhe também pelas redes socais
Facebook: Agora Somos Pais
Instagram: @agorasomospais
Leia Mais ››

Não entre com Sapatos em Casa

Oi gente! Tudo bem com vocês?

Eu fiz uma live lá no Instagram cujo tema era cuidados com os filhos. Citei que não entramos em casa com sapatos e surgiu uma questão se isso era bom ou não e principalmente onde guardávamos nossos calçados.

Você sabia que na cultura japonesa é quase que um estilo de vida tirar os calçados para entrarem em casa? Isso deve-se ao fato de quase tudo ser na altura do chão. Mesa fica numa altura que possam se alimentar sentado no chão. As camas também são baixas. As casas são construídas a 60cm do chão para evitar que entre poeira.

Uma pesquisa conduzida pela Universidade de Houston, nos Estados Unidos, mostrou que 26% do sapatos carregam Clostridium difficile, bacilo responsável por doenças gastrointestinais — como a diarreia. Ao menos 40% dos calçados levam Listeria monocytogenes, outra bactéria, essa responsável por ocorrências de meningite. Em áreas rurais, possivelmente todos os sapatos têm rastros de Escherichia coli, que causam infecções. (Fonte: Nexo Jornal)

Casas com bebês devem ter muito mais cuidado. Principalmente na fase que ele está engatinhado pelo chão. É comum a criança levar para boca todo objeto que encontra. 

Moramos em uma sociedade que não tem o costume de retirar calçados antes de entrar em casa. Mas isso vem mudando. Reportagens que ressaltam a quantidade de bactérias que trazemos da rua seja pelas mãos, roupa e calçados tem feito muitos pais se conscientizarem dos cuidados com esses itens.

Certa vez visitei um casal de amigos que tinham logo na porta de casa uma sapateira. Achei muito interessante eles terem esse cuidado visto que tinham um bebê pequeno em casa.

Assim que Ester começou engatinhar tratei de providenciar uma sapateira para chamar de minha e deixá-la ao lado da porta bem a vista para deixar os calçados assim que entrarmos em casa.

Separei algumas ideias para vocês de como organizar os calçados para não precisar entrar com eles em casa.

Sapateira de Caixote


Sapateira de Caixote

Sapateira de cano de PVC

Sapateira de PVC
Sapateira Escada



        
Sapateira em baixo da escada


Sapateira Artesanal

Sapateira Suspensa

Não importa se você vai comprar, mandar modular ou até mesmo fazer sua sapateira. Importante mesmo é não entrar com sapato em casa e assim evitar trazer doenças para seu lar.

Espero que esse post sirva de inspiração e você consiga criar seu espaço para guardar calçados e quando fizer me mostre. Mande por email e se usar redes sociais pode nos marcar, vamos amar!
NÃO ENTRE COM SAPATOS EM CASA
Conheça nossas redes sociais:
Facebook: Agora Somos Pais
Instagram: @agorasomospais

Leia Mais ››

O que você está ensinando ao seu filho?

Oi gente!!! Tudo bem com vocês?

Hoje eu quero contar uma novidade para vocês. Agora temos uma psicóloga como colunista aqui do Agora Somos Pais. E para começar essa parceria que será duradoura ela vai falar um pouco sobre  educação infantil. O que estamos ensinando aos nossos filhos nessa atual sociedade? A dra. Ananda irá nos responder e mais dará dicas de como fazer isso.

FILHOS

É nítido que os pais querem dar o melhor para os filhos, porém estamos numa época onde precisamos estar fazendo várias coisas e ensinar algumas coisas aos filhos requer um tempo que podemos considerar desnecessário perder.

Posso reparar tanto no consultório quanto no convívio com as pessoas no meu dia a dia, uma certa prostração no quesito ensinar os filhos. Não digo uma prostração intencional, mas a dificuldade de lidar com as diferentes tarefas do dia a dia faz com que cedamos nossa responsabilidade.

Conheço, por exemplo, crianças no inicio da pré-adolescência que não sabem amarrar seus tênis ou que às vezes recebem comida na boca para que possam comer algo novo, mas essas mesmas crianças tem a capacidade de criar coisas incríveis tecnologicamente.

Isso não tem relação com capacidade, habilidade ou inteligência. Isso tem haver com "perder" tempo. Sim, como pais precisamos dedicar nosso tempo em ensinarmos algo novo aos nossos filhos, requer tempo aprender e da sim trabalho ensinar, porém ganhamos muito com isso e nossos filhos também.

“OS FILHOS SÃO DO MUNDO” é uma expressão que provavelmente você já ouviu e também é algo que nos amedronta, mas nossa função como pais é desenvolver indivíduos independentes, para que um dia eles possam ser responsáveis por si. Podemos achar que nosso filho nunca irá precisar andar de ônibus ou fazer sua própria comida, mas também não estaremos por perto para sempre. Ensinar os filhos é importante para eles poderem aprender a confiar em si mesmos, formarem suas opiniões, aprender sobre suas capacidades e limites.

Com a correria dos tempos atuais procuramos agilizar nosso dia a dia e com isso costumamos fazer pelo outro. Mas e quando você não estiver mais por perto? Quem irá protegê-lo e minimizar suas dificuldades? Chegará um momento onde você não conseguirá mais desempenhar esse papel e será exigido dele a responsabilidade pela sua existência. Ensiná-los a lidar com as questões que aparecem no decorrer da vida o tornará mais capaz, confiante e responsável.

E aí? Você está criando o seu filho para ser tutor de sua própria existência?

5 possibilidades para dar mais responsabilidade aos seus filhos:

Deixe escolher

No nosso dia a dia nos deparamos com diversas possibilidades, seja na hora de escolher uma roupa ou qual filme prefere, deixar nossos filhos escolherem ajuda a desenvolver a formação de opinião.


Vá para a cozinha

FILHOS


A alimentação para algumas crianças pode ser um problema, porém levar a criança para a cozinha pode mudar a experiência que ela tem com a comida. É muito mais prazeroso provar aquilo que fizemos e essa experiência em família é muito mais divertida.


Dê alguma tarefa

FILHOS


Todos podem ser responsáveis pelo bom funcionamento da casa, dar algumas tarefas desde pequeno ajuda na compreensão de que nosso lar também é nossa responsabilidade. Caso seu filho seja muito pequeno, ele pode ser responsável, por exemplo, por guardar seus próprios brinquedos. Arrumar a mochila para a escola, ajudar a por a mesa, recolher objetos espalhados ou separar a roupa suja, são alguns outros exemplos, analise a capacidade do seu filho e peça ajuda.

Dormir fora


FILHOS


Pode ser na casa de um amiguinho ou até mesmo dos avós, assim a criança pode se deparar com outra rotina, já que as regras vão ser diferentes e poderão colocar em prática as orientações de educação que lhe foram dadas.

Comprar sorvete sozinho


FILHOS


Comprar sorvete é apenas uma possibilidade, quando damos a oportunidade de fazerem as coisas sozinhos, permitimos que se arrisquem, enfrentem seus próprios questões e aprendam com seus erros. Assim eles podem aprender a ter mais autonomia e independência. Na primeira vez, leve-o com você, mostre como você faz para comprar o sorvete e veja se ela compreendeu, na próxima permita que ela compre seu próprio lanche. Veja como ela se sentiu.



FILHOS
Psicóloga Ananda Gomes
CRP 05/46618
Psicóloga Clínica, Orientadora de Pais e Palestrante
Contato: (22) 99896-4666
anandagomes.psico@gmail.com
Instagram: @psico.anandagomes

Espero que esse texto nos faça refletir e ajude em nossa caminhada com nossos filhos.

Aguardo todos no próximo post!


FILHOS
Nos siga também nas redes sociais:
Facebook: Agora Somos Pais
Instagram: @agorasomospais

Leia Mais ››